Bombeiro tem mal súbito e morre durante combate a incêndio em Minas

Carlos Roberto da Silva passou mal durante combate às chamas no Noroeste do estado e não resistiu

Bombeiro tem mal súbito e morre durante combate a incêndio em Minas
(Foto: Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais)

O sargento Carlos Roberto da Silva faleceu nesta quarta-feira (22) durante combate a incêndio florestal no município de Arinos-MG. O militar teve um mal súbito e acabou evoluindo para uma parada cardiorrespiratória, falecendo no local mesmo após tentativa de reanima-lo.

O militar estava lotado no Posto Avançado de Congonhas e, nesta semana, foi convocado junto a outros militares para atuar no combate aos incêndios na Região Noroeste de Minas Gerais.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, o sargento sofreu a parada cardiorrespiratória durante uma atividade de reconhecimento de área na cidade de Arinos. Mesmo com a intervenção de uma Unidade de Suporte Avançado, Carlos Roberto não resistiu.

Nota dos bombeiros

Em nota divulgada nesta quarta-feira (22), o Corpo de Bombeiros manifestou solidariedade e lamentou a perda. “Neste momento, a Corporação reverencia este militar que deixou os familiares para cumprir seu juramento e acabou tomando em combate no exercício da missão de salvar vidas, bens e meio ambiente. O Corpo de Bombeiros Militar se solidariza com a família e presta o apoio necessário. Pedimos a Deus que dê forças aos parentes e à toda família Bombeiro Militar”, em nota publicada pela corporação.

Luto

A prefeitura de Arinos, cidade onde o sargento ajudava no combate ao incêndio, publicou uma nota de pesar nas redes sociais e decretou luto oficial de três dias. “Em respeito à sua memória e a dor de seus familiares e amigos, a Prefeitura decreta LUTO OFICIAL de três dias”, declarou.

 

MAIS NOTÍCIAS