Brasil perde mais um ícone: morre o ator Luis Gustavo, aos 87 anos

Ator conhecido por sua veia cômica não resistiu à luta contra o câncer

Brasil perde mais um ícone: morre o ator Luis Gustavo, aos 87 anos
Foto: Divulgação / TV Globo

Nesse domingo (19), o ator Cassio Gabus Mendes uso suas redes sociais para anunciar a morte de seu tio, e também ator, Luis Gustavo, aos 87 anos. Ele ressaltou que o tio foi mais uma vítima do câncer. “Informo que meu querido Tatá (apelido carinhoso dado a Luis Gustavo) faleceu hoje, vítima de câncer. Descanse na luz e na paz! Obrigado por tudo, meu amado tio”, disse Gabus Mendes.

Ícone da TV brasileira

Luis Gustavo ficou conhecido por papéis de destaque em grandes novelas e por levar sempre uma veia cômica à suas interpretações. Ele começou a carreira nos anos 1950 e o papel que o levou a cair no gosto do público foi o Beto Rockfeller, na novela de mesmo nome, da TV Tupi.

Depois disso, emendou diversas novelas e filmes. Entre os personagens mais marcantes estão o costureiro Ariclenes Almeida/Victor Valentin, na primeira versão de “Ti-ti-ti”; o playboy Ricardo, em “Anjo mau”; o radialista corrupto Juca Pirama, em “O Salvador da Pátria”; e o tio Vavá, de “Sai de baixo”.

Porém, seu personagem mais amado foi o atrapalhado detetive particular Mário Fofoca, da novela “Elas por elas”, escrita por seu cunhado Cassiano Gabus Mendes. O sucesso foi tão enorme, que o personagem ganhou um seriado e filme próprios, além de aparecer na segunda versão de “ti-ti-ti”, no ar, atualmente, no Vale a Pena Ver de Novo.

Seus últimos trabalhos na TV foram “Brasil a bordo” e “Malhação: Vidas brasileiras”, ambos exibidos em 2018 na Globo.

Homenagens

Diversas mensagens de pesar tem sido postadas nas redes sociais para homenagear Luis Gustavo.

MAIS NOTÍCIAS