Corretores de imóveis têm de se adaptar ao Mercado Imobiliário 4.0

Mercado imobiliário mais inteligente utiliza a tecnologia a seu favor

Corretores de imóveis têm de se adaptar ao Mercado Imobiliário 4.0

Vender sem vender. Esse é o lema dos novos corretores de imóveis, que agora têm que se adaptar ao Mercado Imobiliário 4.0. O termo surgiu em 2017, no Centro Global de Transformação de Negócios Digitais (DBT Center). Ele se refere a um mercado imobiliário mais inteligente, que utiliza a tecnologia a seu favor.

O aumento de sites estruturados com ferramentas, como “tour virtual”, “imagens e vídeos 360º”, “corretor online” e o melhor posicionamento nas redes sociais, são exemplos deste  processo de evolução. Não há volta. Empresas e corretores de imóveis que não se atualizarem, automaticamente, ficarão para trás.

Mas se engana quem pensa que essas mudanças ainda não chegaram ao mercado brasileiro. Na visão do mentor e escritor Guilherme Machado — considerado o maior influenciador do Mercado Imobiliário da América Latina —, essas mudanças já chegaram ao Brasil e já há corretores de imóveis vendendo mais por meio de novas métricas e método.

Exemplo disso são os chamados “Corretores QR”, com cursos de especialização pelo Instituto Quebre As Regras, a única escola de empreendedorismo do mercado imobiliário.

Com uma metodologia firmada em cinco pilares, o Instituto Quebre As Regras têm ajudado corretores e imobiliárias a entenderem, crescerem e alcançarem resultados no mercado 4.0.

A seguir, Guilherme Machado detalha os cinco pilares do Instituto Quebre As Regras:

1º Pilar – “Pessoas”: segundo a Metodologia Quebre As Regras, o profissional da nova economia, o profissional QR, não é aquele com habilidade técnica incrível, e, sim, aquele com habilidade de entender o comportamento humano (expectativas, anseios, desejos e emoções).

2º Pilar – “Estratégia”: chega um determinado ponto da carreira em que o profissional pensa que já sabe fazer tudo, está funcionando de forma mediana, medíocre, então não há por que mudar. Aqui, o lema é outro: “a estratégia é mais importante porque não somos robôs, buscamos entender o ser humano para atender melhor”.

3º Pilar – “Processos”: neste pilar, o método busca fazer entender por que ter uma rotina no trabalho é vital para ser mais produtivo e fazer com que se prospere no trabalho.

4º Pilar – “Tecnologia”: aprender a técnica SmartLead e saber que não importa o número de leads que se tem, é o que propõe este pilar. “Se você souber utilizar a tecnologia a seu favor, só importará a qualidade deles”.

5º Pilar – “Venda”: para o profissional QR, não existe “produto”, imóvel, lote, sala comercial, galpão, lançamento ou qualquer outra coisa. “O profissional QR vende confiança! Neste pilar, você aprenderá o ciclo de vendas”.

QR Class 2019 

Machado explica que “aprender e se profissionalizar tem sido uma constante dos profissionais QR, que não perdem a oportunidade de estar em contato com o que há de novo no mercado”.

Por isso, eles se reunirão no dia 31 de agosto, em São Paulo-SP, no QR Class 2019 — evento promovido pelo Instituto Quebre As Regras — e seu fundador, Guilherme Machado, que também é autor do livro best-seller “Você não vai mais conseguir vender assim”.

Por falar nisso, o QR Class será o primeiro evento do mundo a colocar no palco uma réplica de apartamento decorado e ensinar como vendê-lo em até trinta dias. (Dino Distribuidor de Notícias)