Itabira tem abertura do Dia D da vacinação contra a gripe

Acontece neste sábado, em todo o país, o Dia D da Campanha de vacinação contra a gripe. Em Itabira a abertura oficial da ação aconteceu no PSF do bairro Praia e contou com a presença do prefeito Ronaldo Magalhães e da Secretária de Saúde, Rosana Linhares. Todas as unidades de saúde do município que possuem […]

Itabira tem abertura do Dia D da vacinação contra a gripe

Acontece neste sábado, em todo o país, o Dia D da Campanha de vacinação contra a gripe. Em Itabira a abertura oficial da ação aconteceu no PSF do bairro Praia e contou com a presença do prefeito Ronaldo Magalhães e da Secretária de Saúde, Rosana Linhares. Todas as unidades de saúde do município que possuem sala de vacinação estarão abertas até as 17h.

Nesta campanha contra a Influenza, além dos indivíduos com 60 anos ou mais de idade, estão sendo vacinadas as crianças de seis meses a menores de seis anos (cinco anos, 11 meses e 29 dias), gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, professores de escolas públicas e privadas, povos indígenas, portadores de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas, presidiários e funcionários do sistema prisional.

De acordo com a superintendente de Vigilância em Saúde, Thereza Andrade, até o momento 8 mil foram vacinados e o objetivo é que mais de 29 mil pessoas dos grupos prioritários sejam imunizadas.

Thereza também chamou a atenção para a baixa procura das gestantes aos postos de saúde em relação aos anos anteriores. “A participação das gestantes tem sido menor do que nas campanhas anteriores, o que é preocupante. É extremamente relevante que as mulheres grávidas sejam vacinadas”, ressaltou.

O prefeito Ronaldo Magalhães lembrou sobre as dificuldades encontradas pelos cidadãos quando o acesso à vacinação era restrito. “A saúde em Itabira tem evoluído muito. Estamos trabalhando bastante e esse esforço ajuda no combate a essas doenças que podem ser prevenidas com a vacinação”.

A Secretária de Saúde, Rosana Linhares confirmou a importância do grupo de risco procurar os locais de vacinação para se protegerem.  “A vacinação é importante para evitar complicações, agravo de doenças, risco de morte, porque são esses agravos que levam às internações e todos nós sabemos que a qualidade de vida e longevidade são garantidas a partir do cuidado e da proteção”, disse.