Com recordista Jaqueline Mourão, Brasil terá 11 atletas na Olimpíada de Inverno

A Olimpíada de Pequim-2022 será a nona participação brasileira em Jogos de Inverno, iniciada em Albertville-1992

Com recordista Jaqueline Mourão, Brasil terá 11 atletas na Olimpíada de Inverno
Jaqueline Mourão compete no Campeonato Mundial de Esqui Cross-country em Oberstdorf, Alemanha, em fevereiro de 2021 – Foto: Getty Images

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) anunciou nesta segunda-feira a lista dos atletas que vão representar o país na Olimpíada de Inverno de Pequim, em fevereiro, na China. O Time Brasil contará com 11 atletas, sendo um deles reserva, com destaque para Jaqueline Mourão, que vai bater o recorde de participações em edições das Olimpíadas.

A atleta de 46 anos vai somar oito Olimpíadas no currículo, sendo cinco de inverno e três de verão — ela esteve nos Jogos de Tóquio, no ano passado, competindo em provas de ciclismo. Esta será a segunda participação da atleta na China, já que ela esteve também em 2008, em Pequim.

Jaqueline faz parte da equipe de esqui cross-country, que conta também com nomes como Bruna Moura, de 26 anos, que vai para a sua primeira Olimpíada. Ela, inclusive, já foi treinada justamente por Jaqueline Mourão.

O terceiro representante no esqui cross-country é Manex Silva, de apenas 19 anos, que disputou em 2020 os Jogos Olímpicos da Juventude, em Lausanne. Ele foi o primeiro brasileiro a se classificar pelo critério A, podendo assim disputar todas as provas da modalidade.

Já Nicole Silveira, de 27 anos, será a representante brasileira no skeleton. Ela é enfermeira no Canadá e foi campeã da Copa América de 2021. O Brasil ainda terá pela primeira vez uma representante no Moguls. A dura missão é de Sabrina Cass, no esqui estilo livre. Ela tem somente 19 anos e já foi campeã mundial juvenil pelos Estados Unidos.

Já no esqui alpino, o representante brasileiro é Michel Macedo, de 23 anos. O cearense mora nos Estados Unidos e já foi campeão do Torneio de Proctor 2022.

Por fim, o Brasil também confirmou os seus cinco representantes no bobsled, a começar por Edson Bindilatti, de 42 anos, que tem cinco Jogos Olímpicos no currículo. Ele será o piloto da equipe brasileira, que contará ainda com Rafael Souza, 25 anos, que vai para sua segunda Olimpíada consecutiva, Jefferson Sabino, 39 anos, que disputou o salto triplo em Pequim, em 2008, nos Jogos Olímpicos de Verão, Edson Martins, este esteve nas duas últimas Olimpíada e tem 32 anos, e Erick Vianna, 29 anos.

Outras duas vagas ainda estão em aberto, e estão sendo disputadas por Marina Tuono, no monobob, e Augustinho, no snowboard.

A Olimpíada de Pequim-2022 será a nona participação brasileira em Jogos de Inverno, iniciada em Albertville-1992. Até hoje, 35 atletas brasileiros, de oito esportes, já participaram da competição. O recorde do país foi em Sochi-2014, com 13 atletas em sete modalidade.

* Com Estadão Conteúdo.

MAIS NOTÍCIAS