Comissão do Senado aprova convocação de ministro do Turismo para falar sobre “laranjas”

Marcelo Álvaro Antônio é acusado de coordenar o uso de candidaturas laranjas para abastecer campanhas do PSL

Comissão do Senado aprova convocação de ministro do Turismo para falar sobre “laranjas”
O ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio – Foto Agência Brasil

A Comissão de Transparência do Senado aprovou, nesta terça-feira (8), um pedido para convocar o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, por causa das denúncias de uso de candidaturas laranjas em campanhas do PSL. O ministro deve ser ouvido no dia 22, de acordo o presidente do colegiado, Rodrigo Cunha (PSDB-AL). O requerimento de convocação foi apresentado pelo líder da Rede no Senado, Randolfe Rodrigues (AP), no fim de junho, após denúncias de que o ministro teria coordenado o uso de candidaturas laranjas para abastecer campanhas do PSL – partido do presidente Jair Bolsonaro – em Minas Gerais. Ele nega irregularidades.

O conteúdo continua após o anúncio

O pedido foi pautado e aprovado na comissão após a Polícia Federal indiciar Marcelo Álvaro Antônio no inquérito da Operação Sufrágio Ostentação. Em 2018, período eleitoral que está sob investigação da PF, o ministro ocupava o posto de presidente do PSL em Minas. No Congresso, comissões podem convocar autoridades subordinadas ao presidente da República. A recusa de uma convocação pode ser enquadrada como crime de responsabilidade, conforme a Constituição.

O presidente da Comissão de Transparência esclareceu que desde abril o colegiado tenta trazer o ministro para falar sobre o assunto. Antes da convocação, convites foram aprovados, mas não foram atendidos. “É um tema que vem sendo tratado por esta comissão de uma maneira tolerante, extremamente democrática e paciente. Desde abril, se fala na necessidade de se ter o ministro do Turismo sentado aqui para prestar informações”, declarou Cunha. (Agência Estado)

MAIS NOTÍCIAS