Confira as dicas da PRF para trafegar na BR-381 durante o feriadão

O último feriado nacional prolongado de 2019 é o de Corpus Christi. Celebrado na próxima quinta-feira (20), a data é uma grande oportunidade para quem deseja emendar os dias de folga e aproveitar para fazer uma viagem. Uma das preocupações de motoristas que pretendem pegar a estrada durante o feriado é o tráfego na BR-381. […]

Confira as dicas da PRF para trafegar na BR-381 durante o feriadão
BR-381 passa por obras de duplicação desde 2014

O último feriado nacional prolongado de 2019 é o de Corpus Christi. Celebrado na próxima quinta-feira (20), a data é uma grande oportunidade para quem deseja emendar os dias de folga e aproveitar para fazer uma viagem. Uma das preocupações de motoristas que pretendem pegar a estrada durante o feriado é o tráfego na BR-381.

A rodovia federal, que interliga Minas Gerais, São Paulo e Espírito Santo, é uma das principais saídas do estado. Conhecida como “Rodovia da Morte”, a BR-381 é uma das estradas mais perigosas do país por ter pista simples, com grande número de curvas e derivações. Além do trajeto sinuoso, a rodovia ainda está passando por obras de duplicação, ou seja, os motoristas que irão trafegar na BR-381 precisam ficar atentos aos desvios, pistas inacabadas, trechos interditados e buracos.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), não haverá nenhuma ação específica na BR-381 durante o feriado de Corpus Crhisti. A PRF afirma que, no momento, as atenções da corporação estão voltadas para as operações direcionadas para o campeonato de futebol Copa América. Os agentes federais atuarão na execução de ações de prevenção e repressão a crimes, policiamento ostensivo e fiscalização de trânsito e transporte, além de promover a escolta das seleções, em parceria com a Polícia Militar.

Principais desvios

Alguns motoristas que trafegam entre BH e o Espírito Santo optam por desvios. Uma opção é passar pela cidade de Santa Luzia, o que acarreta aumento de 3 km no trecho, ou por Sabará, um aumento de 16 km. Já os veículos que partem ou chegam do sul da Bahia também podem optar por um desvio que aumenta a rota em 60 km, passando por Montes Claros (BR-135 e BR-251), Curvelo (BR-135) e Sete Lagoas (BR-040). As rotas são sugeridas por motoristas em grupos de Whatsapp. A PRF não sugere rotas.

 

 

Dicas de Conduta 

Para que motoristas façam uma viagem segura durante o feriado, a PRF separou dicas de conduta:

-Planeje sua viagem e faça a revisão de seu veículo. É fundamental verificar a presença e o funcionamento de todos os equipamentos obrigatórios. Verifique também toda a documentação do veículo e do condutor.

-É obrigatório, em rodovias, o uso dos faróis baixos acesos, mesmo durante o dia. Isso aumenta a visibilidade aos demais condutores e principalmente aos pedestres, além de melhorar a percepção de distância aproximada.

-Em caso chuva, durante sua viagem, diminua a velocidade e aumente a distância em relação ao veículo que segue a sua frente. Evite estacionar no acostamento, caso tenha que parar, procure um local seguro afastado da pista de rolamento.

O conteúdo continua após o anúncio

-Respeite os limites de velocidade estabelecidos para a via e obedeça às placas de sinalização; onde não existir sinalização ou se esta estiver prejudicada, mantenha a velocidade compatível com as condições da via. Quanto maior a velocidade, maior é o risco e mais graves serão os acidentes.

-O condutor e todos os passageiros do veículo DEVEM utilizar o cinto de segurança. Crianças menores de 7 anos e meio de idade, devem estar utilizando o equipamento obrigatório compatível (bebê conforto, cadeirinha e/ou assento de elevação). Em caso de autuação o condutor será penalizado e o veículo ficará retido até a regularização da infração.

-Ultrapasse sempre pela esquerda somente em locais permitidos e principalmente onde haja todas as condições necessárias para execução da manobra com segurança. Antes de iniciar uma ultrapassagem, certifique-se da distância e da visibilidade do veículo que pretende ultrapassar e dos que vêm em sentido contrário. Se outro veículo o estiver ultrapassando ou tiver sinalizado a intenção de fazê-lo, dê a preferência e aguarde a sua vez. Sinalize toda a manobra com antecedência. Redobre a atenção ao ultrapassar ônibus e caminhões. Por se tratar de veículos grandes e pesados, é preciso se certificar que há espaço suficiente para realizar uma ultrapassagem segura e ao ser ultrapassado não acelere, não mude a trajetória do veículo e mantenha distância segura do veículo à frente.

-Mantenha-se a uma distância segura do veículo que vai à frente, a fim de se evitar colisões traseiras (tipo de acidente que mais tem sido registrado no Estado) nos casos de freadas bruscas.

-Cuidado com os pedestres, principalmente em perímetros urbanos cortados por rodovias. Redobre a atenção e reduza a velocidade sempre que verificar a presença de pedestres nos acostamentos e às margens das rodovias.

-É importante também sempre levar água, frutas e alimentos não perecíveis no interior do veículo, para situações inesperadas como congestionamentos e interdições de pista.

-Todos os ocupantes do veículo devem portar documento de identificação, inclusive crianças e adolescentes.

-Ocupantes de motocicletas devem sempre usar o capacete. Mantenha distância das laterais traseiras dos veículos, eliminando assim o chamado “ponto cego”. Antes de mudar de faixa de rolamento use os retrovisores. Não trafegue próximo a caminhões. O deslocamento de ar produzido por esses veículos pode desestabilizar a motocicleta. Sempre circule com o farol ligado, para facilitar a visualização da motocicleta pelos pedestres e pelos veículos que estão em sentido contrário.

A PRF atende demandas para esclarecimento e dúvidas no contato de emergência 191 e no (31) 3064-5300.

 

 

 

MAIS NOTÍCIAS