Homem negro é agredido e morto em frente a Carrefour de Porto Alegre

De acordo com informações, o crime ocorreu em decorrência de uma discussão dentro da unidade do supermercado

Homem negro é agredido e morto em frente a Carrefour de Porto Alegre
Foto: Divulgação
O conteúdo continua após o anúncio


Nesta sexta-feira (20), um crime que aconteceu na porta de um supermercado Carrefour em Porto Alegre (RS), gerou indignação em muitos brasileiros. Um homem de 40 anos, identificado como João Alberto Silveira Freitas, morreu após ser espancado por funcionários do estabelecimento. O caso ocorreu na noite desta quinta-feira (19).

De acordo com informações, o crime ocorreu em decorrência de uma discussão dentro da unidade do Carrefour, envolvendo uma funcionária, um segurança de uma empresa terceirizada e um Policial Militar temporário. Ambos os homens foram detidos e presos em flagrante por homicídio qualificado.

A confusão teria iniciado no caixa do supermercado. Segundo informam, o homem estava fazendo compras com a esposa, quando ameaçou agredir a funcionária, que chamou a segurança.

O conteúdo continua após o anúncio

Após o fato, o homem foi encaminhado para fora do supermercado Carrefour. Conforme a Brigada Militar responsável pela ocorrência inicial, a vítima começou a brigar com a dupla por se recusar a sair do local. Porém, testemunhas afirmam que o homem foi seguido e agredido ao sair.

Um vídeo compartilhado nas redes sociais, mostrando o momento da agressão, causou revolta nos internautas.

Carrefour

Em nota, o Carrefour informou que lamenta o ocorrido e que adotará as medidas cabíveis para responsabilizar os envolvidos, bem como romper o contrato com a empresa responsáveis pelos seguranças envolvidos na agressão. O funcionário que estava no comando da loja no momento do incidente será desligado.

MAIS NOTÍCIAS