Itabira começa a vacinar pessoas sem comorbidades contra Covid-19

Adultos, com idades de 59 a 57 anos, recebem a primeira dose do imunizante a partir dessa quinta (17)

Itabira começa a vacinar pessoas sem comorbidades contra Covid-19
Foto: Acom PMI
O conteúdo continua após o anúncio


A Prefeitura de Itabira anunciou, nessa terça-feira (15), que dará início à vacinação de pessoas sem comorbidades, contra a Covid-19. Os adultos com idades de 59 a 57 anos, vão receber a primeira dose do imunizante a partir dessa  quinta-feira (17).

Essa etapa da vacinação acontece nos drive-thrus da Prefeitura e da Funcesi, das 9h às 16h. Além disso, serão ministradas doses do imunizante da AstraZeneca. Além disso, a Prefeitura de Itabira segue aplicando a vacina nos profissionais da educação do Ensino Fundamental I e I.

Dessa forma, o planejamento semanal de vacinação, divulgado pela Secretaria de Saúde, acontecerá da seguinte forma:

  • Quinta-feira (17/06): no período da manhã serão vacinados os homens com 59 anos. À tarde, as mulheres com a mesma idade receberam o imunizante. Ao longo do dia, profissionais da educação do Ensino Fundamental I e I;
  • Sexta-feira (18/06): homens com 58 anos serão vacinados pela manhã. As mulheres também com 58 anos receberam a vacina no período da tarde. Ao longo do dia, profissionais da educação do Ensino Fundamental I e I;
  • Sábado (19/06)Dia “D” da vacinação contra Covid-19: pessoas com 57 anos ou mais.

Vale lembrar que, no Dia “D”, os postos de saúde estarão abertos para atender ao público. Dessa maneira, nas unidades do Programa Saúde da Família (PSF’s) não haverá a necessidade de agendamento para receber o imunizante.

Para se imunizar é necessário apresentar a carteira de identidade ou documento com foto, além da carteira do SUS.

Solidariedade

A campanha “Vacinação Solidária” continua nos drive-thrus: serão arrecadados alimentos não perecíveis para encaminhamento às famílias em situação de vulnerabilidade social. Ressalta-se que as doações não são pré-requisito para a vacinação, e sim uma contribuição espontânea.

A iniciativa é uma parceria entre Prefeitura, Funcesi e Conselho Municipal do Bem-Estar do Menor (Combem). Os materiais arrecadados serão direcionados à Secretaria Municipal de Assistência Social (SMAS) para repasse às famílias cadastradas.

MAIS NOTÍCIAS