Jovem morto no Juca Rosa foi atingido por sete tiros

A perícia recolheu no local 15 cápsulas de munições calibre 9 milímetros

Jovem morto no Juca Rosa foi atingido por sete tiros
O conteúdo continua após o anúncio


Na noite desta terça-feira (12), a Polícia Militar registrou mais um homicídio na cidade de Itabira. O jovem Julienderson Henrique Mercês Silva, de 19 anos, foi assassinado com sete tiros na rua Ipê, no bairro Juca Rosa. Um suspeito, também de 19 anos, acabou sendo preso.

O fato aconteceu por volta das 20h. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local para socorrer a vítima, mas o médico pôde apenas constatar o óbito.

Urgente: homem é assassinado a tiros no Juca Rosa, em Itabira
Foto: Thales Benício/DeFato

Os policiais preservaram o local para os trabalhos da perícia que constatou sete perfurações no corpo da vítima, sendo uma no maxilar esquerdo, uma no lábio inferior, uma no tórax, duas na região da cintura e outras duas na coxa esquerda.

O perito criminal recolheu na cena do crime 15 cápsulas de munição calibre 9 milímetros. O corpo de Julienderson Henrique foi encaminhado para o posto avançado do Instituto Médico Legal (IML) para ser examinado pelo legista.

Os militares fizeram diligências e conseguiram informações sobre a identificação de dois possíveis autores, sendo que um deles estaria cumprindo prisão domiciliar e sendo monitorado por tornozeleira eletrônica, pois ele havia sido condenado por tráfico de drogas.

Os policiais foram até uma residência no bairro Penha, onde um suspeito foi encontrado e detido. O homem contou que foi ameaçado de morte pela vítima que estava armada com um revólver, momento este em que sacou a pistola e efetuou os disparos.

Diante do fato, o suspeito foi preso e encaminhado à delegacia de Polícia Civil. As armas, uma pistola usada no homicídio, e o possível revólver que estava com a vítima, não foram encontradas. O caso está sendo investigado.

MAIS NOTÍCIAS