Pontos de Encontro podem receber até mais de 1.000 pessoas durante simulado

Ao todo, serão 96 locais para onde os itabiranos deverão se dirigir durante o treinamento de evacuação por risco de rompimento de barragem

Pontos de Encontro podem receber até mais de 1.000 pessoas durante simulado
Placa faz parte de plano de emergência que está sendo implementado pela Vale em Itabira — Foto: Lucas Henrique de Morais/Arquivo Pessoal

Aproximadamente 19 mil itabiranos são esperados para participar do maior simulado de evacuação do país neste sábado (17), além de mais outras 8.000 entre policiais, agentes de defesa civil, servidores municipais. Das 15h às 16h, os moradores de 27 bairros localizados nas Zonas de Autossalvamento (ZAS) e Zona de Segurança Secundária (ZSS) de Itabira deverão seguir para os pontos de encontro ao soar da sirene.

Nos bairros João XXIII, Machado e Bela Vista, a expectativa de mobilização de itabiranos é grande. De acordo, o levantamento do número de moradores por ponto de encontro, feito pela Defesa Civil, a rua Humberto Campos no João XXIII pretende reunir 1943 pessoas.

Já a rua Olavo Bilac, o número de moradores pode chegar a 959. Na rua Professor Máx Cáux a expectativa é de que 867 moradores participem do simulado. Em outros bairros, como Vila Bethânia, Água Fresca e Gabiroba, a participação também é positiva nos variados pontos de encontro.

Bairros localizados na zona rural de Itabira possuem um número menor de moradores envolvidos, como em Rio Peixe, Bateias e Abóboras, de 10 a 50 pessoas.

Mais de 1.800 placas de sinalização foram instaladas no município, em 25 rotas de fuga e 96 pontos de encontro.