Prefeitura de Dom Joaquim autoriza abertura do comércio e impõe medidas de funcionamento

Conforme o documento, atividades do comércio varejista e atacadistas estão permitidas na cidade, por exemplo

Prefeitura de Dom Joaquim autoriza abertura do comércio e impõe medidas de funcionamento
Prefeitura de Dom Joaquim autoriza abertura do comércio e impõe medidas de funcionamento

O comércio de Dom Joaquim está autorizado a reabrir as portas após a publicação do decreto municipal nº 015/2020, assinado pelo prefeito Geraldo Adilson Gonçalves nessa terça-feira (14). A decisão do Executivo visa afrouxar as medidas de isolamento social que haviam sido editadas para enfrentar a pandemia do novo coronavírus no município. Assim, a Prefeitura e a Secretaria Municipal de Saúde determinaram novas regras de funcionamento para o comércio de Dom Joaquim.

Conforme o documento, atividades do comércio varejista e atacadistas estão permitidas na cidade. Além disso, também podem funcionar galerias comerciais e lojas de produtos veterinários. Ainda segundo o decreto, igrejas, templos religiosos e congêneres podem abrir as portas, contudo sem a realização de missas e cultos para evitar a aglomeração de pessoas. As feiras livres com produtos e agricultura familiar também foram liberadas, de 8h às 12h. Igualmente, bares, restaurantes e lanchonetes também poderão ser abertos após as novas regras.

No entanto, algumas normas de prevenção a Covid-19 ainda permanecem, como a proibição de festas e convenções. Academias, ginásios esportivos, campos de futebol e biblioteca pública também continuam fechadas. O mesmo vale para os centros comunitários e atividades que demandem aglomeração ou reunião de pessoas, além dos ambulantes. Caso seja descumprido, o decreto informa que o alvará de funcionamento do estabelecimento poderá ser revogado.  Ademais, comércios que tiverem preços abusivos serão penalizados

O documento reprime qualquer possibilidade agrupamento de dom-joaquinenses. Dessa forma, os Correios, por exemplo, deverão realizar atendimento individual com distribuição de senhas.

O conteúdo continua após o anúncio

Grupos de Risco

Para além disso, ficou definido que os comércios que estiverem funcionando são obrigados a terem um fluxo exclusivo para clientes que estejam em algum grupo de risco a doença. Essa recomendação vale para os clientes que possuem mais de 60 anos, doentes crônicos, gestantes e lactantes.

De acordo com o último boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde de Dom Joaquim, a cidade tem cinco casos suspeitos de coronavírus, dendo três mantidos em isolamento social, e um descartado.

 

MAIS NOTÍCIAS