Queda de solidez defensiva do América coincide com saída de Messias

Desde a venda do zagueiro, Coelho sofreu gol em todos os jogos que disputou.

Queda de solidez defensiva do América coincide com saída de Messias

Mesmo tendo apenas o nono melhor ataque da Série B de 2020, o América foi soberano e subiu com sobras à Primeira Divisão nacional. O grande rendimento de sua linha de defensores ajuda a explicar isso. O Coelho sofreu apenas 23 gols na competição e ficou atrás apenas da campeã Chapecoense (21) no quesito. Para que se tenha uma noção da excelência do desempenho, o Cruzeiro, que teve a terceira melhor defesa do torneio, sofreu 32 gols.

O América disputou boa parte da Série B com a mesma formação defensiva que iniciou a temporada 2021: Matheus Cavichioli, Diego Ferreira, Messias, Anderson e João Paulo. Os laterais Daniel Borges e Sávio também foram bastante acionados, devido às lesões dos titulares à época.

Imagens – Queda de solidez defensiva do América coincide com saída do zagueiro Messias

MAIS NOTÍCIAS