Ações de combate ao abuso e exploração de crianças e adolescentes serão realizadas em Monlevade

Evento será no dia 18 de maio

Ações de combate ao abuso e exploração de crianças e adolescentes serão realizadas em Monlevade
Foto: Regiane Ferreira – Acom PMJM

A Prefeitura de João Monlevade, por meio do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), planeja ações de conscientização da sociedade sobre a campanha do Dia de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças, celebrado no dia 18 de maio, próxima terça-feira.

Segundo a coordenadora do Creas no município, a assistente social Tatiana Meireles, o objetivo da campanha é mobilizar e convocar as pessoas quanto ao compromisso de proteger as crianças e os adolescentes.

Segundo a coordenadora, a ideia é realizar atividades de mobilização da sociedade com foco na prevenção, com a divulgação do Disque Direitos Humanos (o Disque 100), do Conselho Tutelar (3851-3032) e da Polícia Militar (190). Além disso, Tatiana explica que haverá ainda distribuição de livros educativos que abordam o tema, com linguagem pedagógica para crianças e adolescentes.

“Também estamos fazendo abordagens com cartazes nas unidades de saúde, prédio públicos e no comércio local”, comenta a coordenadora do Creas.

História

O dia 18 de Maio é uma conquista que demarca a luta pelos Direitos Humanos de Crianças e Adolescentes no Brasil. Esse dia foi escolhido porque em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro chocou todo o país e ficou conhecido como o “Caso Araceli”. A escolha se deve ao assassinato de Araceli, que foi drogada, estuprada e morta por jovens de classe média alta.

O símbolo da Campanha é a flor, representando toda a fragilidade de uma criança e remetendo aos primeiros desenhos feitos por elas.  O desenho também teve como objetivo proporcionar maior proximidade e identificação junto à sociedade com a causa. Porém, o que era para ser apenas uma campanha se tornou o símbolo da causa.

Creas

Famílias e indivíduos em situação de risco pessoal e social, com violação de direitos, podem encontrar atendimento no Creas. A unidade oferta atenção psicossocial, além de orientação jurídica e social. Também são realizadas ações de mobilização para o enfrentamento de violências e de violações de direitos. Em João Monlevade, o Creas está localizado na rua do Andrade, 286, bairro José Elói. Telefone: 3852-7301

 

 

 

MAIS NOTÍCIAS