ArcelorMittal vai retomar projeto de expansão em João Monlevade

A ArcelorMittal, maior grupo siderúrgico do mundo, deve retomar o projeto de expansão da siderúrgica de João Monlevade. O projeto, de US$ 1,2 bilhão, havia sido suspenso no fim do ano passado em razão da crise e da queda na demanda mundial por aço.  O CEO da ArcelorMittal para as Américas, Jefferson De Paula, garantiu […]

ArcelorMittal vai retomar projeto de expansão em João Monlevade
A ArcelorMittal, maior grupo siderúrgico do mundo, deve retomar o projeto de expansão da siderúrgica de João Monlevade. O projeto, de US$ 1,2 bilhão, havia sido suspenso no fim do ano passado em razão da crise e da queda na demanda mundial por aço. 

O CEO da ArcelorMittal para as Américas, Jefferson De Paula, garantiu que nos próximos dois meses a situação será rediscutida e redefinida, mas praticamente confirmou a retomada do projeto ao afirmar que a empresa pretende expandir sua capacidade produtiva de 3,5 milhões de toneladas de aços longos para 5 milhões de toneladas nos próximos três anos. Além disso, ele informou que 90% dos equipamentos necessários para a expansão da usina já foram adquiridos. 

A expansão inclui a construção de um alto-forno com capacidade de produção de 1,5 milhão de toneladas por ano. Em 2008, quando o projeto foi anunciado, a expectativa era a de geração de 400 novos empregos. Segundo De Paula, o tempo médio de montagem dos equipamentos é de um ano e meio, mas, como a retomada do projeto só deve ser oficializada em dois meses, ainda não há previsão de data para que a nova usina entre em operação. 

Se concretizado, o investimento será um dos únicos no Brasil em que haverá efetivamente crescimento da produção de aço. Dos US$ 16 bilhões de investimentos previstos pelo setor siderúrgico até 2016, a maior parte é só para modernização dos parques.

 
Com informações: O Tempo

MAIS NOTÍCIAS