Campanha de vacinação antirrábica acontece neste sábado no bairro Gabiroba

Confira os locais definidos e o horário de atendimento

Campanha de vacinação antirrábica acontece neste sábado no bairro Gabiroba
Vacinação antirrábica protege cães e gatos – Foto: Agência Brasil

Membros da Secretaria de Saúde de Itabira estarão neste sábado, 1º de agosto, no bairro Gabiroba, para mais uma etapa da campanha de vacinação antirrábica. Devido a pandemia do novo coronavírus, a Prefeitura realiza a campanha deste ano de forma descentralizada e itinerante. Dessa forma, neste sábado, a vacinação acontece em dois pontos do bairro Gabiroba: na rua Castro Alves, 191 (PA Dengue) e na rua dos Músicos, 300 (PSF Gabiroba de Cima). O atendimento será de 8h às 12 e de 13h às 17h.

No próximo fim de semana, a campanha de vacinação antirrábica chega nos bairros Santa Ruth, Machado, Monsenhor José Lopes e Jardim das Oliveiras. Clique aqui para conferir os endereços. 

A diretora de Controle de Zoonoses informa que não fornecerá doses de vacina à população, sendo a aplicação restrita aos locais definidos. Para outras informações, a seção pode ser acionada no telefone (31) 3839-2643.

O conteúdo continua após o anúncio

O que é raiva?

A raiva é uma doença infecciosa viral aguda, que acomete mamíferos, inclusive o homem, e caracteriza-se como uma encefalite progressiva e aguda com letalidade de aproximadamente 100%. É causada pelo Vírus do gênero Lyssavirus, da família Rabhdoviridae.

A doença é transmitida ao homem pela saliva de animais infectados, principalmente por meio da mordedura, podendo ser transmitida também pela arranhadura e/ou lambedura desses animais.

Nos cães e gatos, a eliminação de vírus pela saliva ocorre de 2 a 5 dias antes do aparecimento dos sinais clínicos e persiste durante toda a evolução da doença (período de transmissibilidade). A morte do animal acontece, em média, entre 5 e 7 dias após a apresentação dos sintomas.

A infecção progride, surgindo manifestações mais graves e complicadas, como ansiedade e hiperexcitabilidade crescentes, febre, delírios, espasmos musculares involuntários, generalizados, e/ou convulsões.

MAIS NOTÍCIAS