Comércio em BH fecha as portas e só reabre na quarta-feira

O objetivo da Prefeitura é analisar os impactos da reabertura na incidência de casos

Comércio em BH fecha as portas e só reabre na quarta-feira
Foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press

O comércio não essencial em Belo Horizonte voltou a fechar as portas e só reabre na quarta (12). A medida é preventiva à pandeia do coronavírus. Conforme decreto de flexibilização, os estabelecimentos não essenciais devem funcionar apenas três vezes na semana e ainda, com horário restrito.

O objetivo da Prefeitura é analisar os impactos da reabertura na incidência de casos. Assim, não é descartado que em Belo Horizonte ocorra a regressão à primeira fase. Sobre os horários específicos, shoppings centers podem receber clientes de 12h às 20h, mas sem funcionamento da praça de alimentação. Já as lojas de rua, galerias e centros de comércio abrem as portas de 11h às 19h. Os salões de beleza atendem clientes na quinta e sexta, de 11h às 20h, e no sábado, de 9h às 17h.

O conteúdo continua após o anúncio

Confira a lista abaixo com horário de funcionamento do comércio em BH:

De 7h às 21h:

  • Comércio varejista de laticínios e frios
  • Açougue e Peixaria
  • Hortifrutigranjeiros
  • Minimercados, mercearias e armazéns
  • Supermercados e hipermercados
  • Tintas, solventes e materiais para pintura
  • Material elétrico e hidráulico, vidros e ferragem
  • Madeireira
  • Material de construção em geral

Sem restrição de horário:

  • Artigos farmacêuticos
  • Comércio varejista de artigos de óptica
  • Artigos médicos e ortopédicos
  • Combustíveis para veículos automotores
  • Comércio varejista de gás liquefeito de petróleo (GLP)
  • Agências bancárias
  • Casas lotéricas
  • Agências dos Correios
  • Comércio de medicamentos para animais
  • Atividades industriais
  • Restaurantes (delivery ou retirada na porta)
  • Banca de jornais e revistas

MAIS NOTÍCIAS