Nas vésperas do Dia do Expedicionário, Prefeitura homenageia itabirano que combateu na Segunda Guerra Mundial

Cinzas de Sylvio Martins Lage foram depositadas em monumento histórico no Centro da cidade

Nas vésperas do Dia do Expedicionário, Prefeitura homenageia itabirano que combateu na Segunda Guerra Mundial
Expedicionário Sylvio Lage foi homenageado em Itabira – Foto: DeFato

No Dia Nacional do Expedicionário, lembrado neste sábado, 5 de maio, o Brasil se recorda dos combatentes que participaram de uma missão na Itália durante a Segunda Guerra Mundial. Em Itabira, a data foi celebrada nesta sexta-feira, 4, com homenagens ao 2º sargento da Força Expedicionária Brasileira (FEB) Sylvio Martins Lage. Falecido no ano passado, aos 99 anos, o itabirano teve as cinzas depositadas pela família na Praça do Expedicionário, na rua Irmãos D’Caux, no Centro da cidade.

Sylvio participou da expedição realizada pelos brasileiros entre 1944 e 1945, nas últimas fases dos Aliados em campanha na Itália. O itabirano era responsável por gerenciar as frotas de caminhões e tanques que transportavam tropas e armamentos. Ele se desligou do Exército logo que voltou da guerra e passou a trabalhar na antiga Acesita, até se aposentar.

Junto das cinzas do expedicionário, familiares e o prefeito Ronaldo Magalhães depositaram a cópia de um Projeto de Lei, assinado pelo chefe do Executivo durante o evento, que 2018 como “Ano Municipal do Centenário de nascimento de Sylvio Martins Lage”. Ele completaria o centésimo aniversário em 30 de julho.

“Agradeço a todos os profissionais que com amor e dedicação cuidaram do meu pai. Em especial agradecimento à Prefeitura de Itabira, na pessoa do prefeito Ronaldo Magalhães e sua brilhante equipe, às demais autoridades e todas as pessoas que aqui estão abrilhantando nossa homenagem. Muito obrigado a todos”, agradeceu Lúcia Lage, filha do expedicionário, que recebeu flores logo após a homenagem.

O conteúdo continua após o anúncio

O prefeito Ronaldo Magalhães disse que conviveu com Sylvio Lage quando seu pai prestava serviço para a Acesita. Ele comentou que ia com o pai entregar gasolina na siderúrgica e sempre era muito bem recebido pelo ex-combatente, inclusive com convites para cafés. Segundo o governante, é dever do administrador público reconhecer os feitos de pessoas como o expedicionário.

“É com satisfação muito grande e muita honra que estamos aqui. É uma obrigação como administrador público realizar esse evento. Estamos realizando com muito gosto e muito carinho. É um itabirano verdadeiro, que participou ativamente da comunidade em Itabira. Eu o conheci muito, até jogando bola. Era uma pessoa diferenciada, que teve a coragem de ir até a Itália em uma expedição como combatente. Isso é pensar em sua pátria, algo que muitos esquecem hoje. Sylvio foi um exemplo”, discursou Ronaldo.

Também presente ao evento, o comandante do 26º Batalhão da Polícia Militar de Itabira, tenente-coronel Hudson Ferraz, exaltou a homenagem prestada pelo município e a valorização dos personagens que ajudaram a construir a história do país. “A Polícia Militar tem suas raízes na busca do bom combate. E é exatamente a campanha que foi feita na Segunda Guerra que nos deixa muito emocionados de estar aqui hoje. Reconhecer o que foi feito pelos nossos combatentes é garantir o nosso futuro. Não podemos caminhar, olhar para um horizonte e esquecer de todos aqueles que se dedicaram e até sacrificaram a própria vida”, disse.

O itabirano Sylvio Lage, durante sua passagem pelo Exército Brasileiro – Álbum de família

Sylvio Lage foi pai de oito filhos. Depois de aposentar, ele foi vereador em Itabira por dois mandatos.