Bombeiros reavaliam prioridades e equipe chega a Conceição 

Quatro homens, em um caminhão, foram encaminhados para ajudar no combate aos focos de incêndio na cidade; a corporação estuda possibilidade de enviar também um helicóptero

Bombeiros reavaliam prioridades e equipe chega a Conceição 
Foto encaminhada por internauta via Grupo no WhatsApp

O 3° Pelotão do Corpo de Bombeiros de Belo Horizonte, responsável pela área de Conceição do Mato Dentro, reavaliou a decisão de não encaminhar efetivo para combater os focos de incêndio no município e, na manhã desta sexta-feira (20), uma equipe com quatro bombeiros em uma caminhonete chegou à cidade.

A rapidez com que o fogo se alastrou e a altura das chamas fizeram com que o 3°Pelotão reavaliasse as prioridades. Outro agravante foi a falta de luz na cidade. Desde ontem (19), alguns moradores de Conceição estão no escuro. A falta de energia é em decorrência da queima de duas torres da Cemig. O fogo atinge Conceição desde a quarta-feira (18).

Ainda na quinta-feira, o capitão Ranier disse que, em decorrência da alta demanda na região metropolitana também devido a incêndios, o Corpo de Bombeiros não teria como deslocar efetivo para Conceição do Mato Dentro. O município, localizado a 166 km de Belo Horizonte, é atendido pelo pelotão da capital.

Mas como a situação se agravou no município, foi destinada uma equipe para Conceição do Mato Dentro. De acordo com o capitão dos Bombeiros Ranier, o grave cenário vivido nessa e em outras cidades de Minas Gerais merece atenção redobrada.

“O efetivo foi encaminhado para orientar e coordenar os trabalhos que já estão sendo feitos pelas brigadas. O combate está complicado porque as chamas estão de difícil acesso, dentro das matas. Além disso, o fogo está muito alto e com grande alcance”, disse o capitão.

O objetivo da guarnição, segundo o bombeiro, é otimizar e potencializar os trabalhos em toda a área atingida pelo fogo. Ele afirma que há, ainda, a possibilidade de ser enviada à cidade um helicóptero da corporação para auxiliar no combate.

O conteúdo continua após o anúncio

Calamidade

A comunicação em Conceição do Mato Dentro também está precária. Sem luz e com danos na telefonia, conseguir contato com moradores esta difícil.

Para a secretária de Turismo, Rejane Ottoni, há ainda o risco de algumas pessoas ficarem sem água, já que parte do abastecimento no município é feito pelo acionamento de bombas elétricas.

“A chegada do corpo de bombeiro veio em resposta ao pedido de socorro do município. Foi apelo, porque é preocupante”, afirmou Rejane.

Segundo ela, o sargento Cleomar é o bombeiro responsável pelas ações em Conceição e as atividade de combate começaram pela Serra da Ferrugem. Locais como a Serra do Intendente também serão atendidas.

“A Serra da Ferrugem é uma das prioridades do município devido às antenas de luz, telefonia, TV  e rádio que estão no local, além de estar próxima do perímetro urbano.  Há preocupação também com os focos na nascente do Rio Preto na Serra do Intendente, no Parque Estadual Serra do Intendente, e também no Parque Municipal Natural do Tabuleiro”, completou a secretária.

Caminhões pipas do município também estão auxiliando no combate.

MAIS NOTÍCIAS