Covid-19: Ipatinga revoga adesão ao programa Minas Consciente

A decisão levou em consideração à necessidade de implantar medidas sanitárias contra a Covid-19 que atendam às peculiaridades locais

Covid-19: Ipatinga revoga adesão ao programa Minas Consciente
Foto: Divulgação/Prefeitura Municipal de Ipatinga

Na sexta-feira (22), a Prefeitura de Ipatinga, por meio de decreto publicado no Diário Oficial do Município, revogou a adesão da cidade ao programa Minas Consciente, do Governo de Minas Gerais. A decisão, conforme divulgou a assessoria de comunicação da Administração Municipal, levou em consideração à necessidade de adequar e implantar medidas sanitárias e ações de enfrentamento da pandemia de Covid-19 que atendam às peculiaridades locais.

Além disso, o documento especifica que os estabelecimentos comerciais de Ipatinga estão autorizados a retomar as suas atividades.

Também foi publicado um novo decreto com regras de combate à Covid-19. Essa medida levou em consideração o entendimento de que municípios e estados têm autonomia para gerir as medidas de combate à pandemia. Um precedente assegurado em decisão do Supremo Tribunal Federal, que, inclusive, tem efeito vinculante para todo o poder judiciário.

De acordo com o prefeito de Ipatinga, Gustavo Nunes (PSL), o decreto foi publicado em decisão conjunta entre as secretarias municipais de Educação, Saúde, Governo e Procuradoria Geral.

+ Estados começam a receber doses de vacina AstraZeneca/Oxford

O conteúdo continua após o anúncio

+ HNSD confirma óbito de paciente de Santa Maria de Itabira por Covid-19

+ Minas Gerais tem 8.873 novos casos de coronavírus em 24h

“A saída do município de Ipatinga do programa Minas Consciente, nos moldes em que foi construída, com responsabilidade e atenção à proteção e segurança das pessoas, constitui um importante passo na retomada do nosso crescimento econômico. Preocupamo-nos, em primeiro plano, com a adoção de protocolos de segurança gerais e específicos para resguardar a saúde e, ao mesmo tempo, proteger o sistema público de saúde”, informou o prefeito.

Gustavo Nunes, ainda, destaca que todos os cidadãos também são responsáveis pelo bom desenvolvimento e eficácia do combate à pandemia da Covid-19. Segundo ele, todos devem fazer a sua parte e obedecer às regras que estão estabelecidas no Decreto nº 9.572/21.

Entre estas regras, é preciso manter o distanciamento social, usar máscaras faciais cobrindo nariz e boca, álcool em gel para higienização das mãos e evitar as aglomerações.

* Com informações da assessoria de comunicação da Prefeitura de Ipatinga.

<

MAIS NOTÍCIAS