Primeira segunda-feira do mês lota ruas de Itabira, apesar de recomendação pelo isolamento

Na avenida João Pinheiro, no Centro da cidade, não havia nem vaga de estacionamento disponível

Primeira segunda-feira do mês lota ruas de Itabira, apesar de recomendação pelo isolamento
Avenida João Pinheiro, no início da tarde desta segunda-feira (6) – Foto: Thales Benício/DeFato

Itabira entrou, nesta segunda-feira (6), na terceira semana de isolamento social recomendado pelas autoridades em Saúde para frear a curva de contágio do coronavírus. Na véspera do quinto dia útil, quando muitos recebem salários e benefícios como aposentadoria, as ruas do Centro da cidade ficaram lotadas. A aglomeração se deu principalmente em frente a bancos e casas lotéricas, com filas que não respeitavam o distanciamento preconizado pelos especialistas.

A avenida João Pinheiro, por exemplo, estava com praticamente todas as vagas de estacionamento ocupadas entre o fim da manhã e início da tarde. Muitas estão fechadas e outras fazem atendimento de uma pessoa por vez. O que chamou atenção mesmo foi a grande aglomeração de pessoas em estabelecimentos financeiros. E também o alto número de idosos, considerado principal grupo de risco da Covid-19.

primeira-segunda-feira-do-mes-lota-ruas-de-itabira-apesar-de-recomendacao-pelo-isolamento
Aglomeração no Centro de Itabira – Foto: Thales Benício/DeFato

O acesso aos bancos e agências lotéricas é controlado, como determina o decreto do governador Romeu Zema (Novo). Do lado de fora, porém, as pessoas não estão mantendo a distância de um metro e meio umas das outras, conforme orientação dos profissionais de saúde. Esse tipo de distanciamento, aliado ao isolamento de quem pode ficar em casa, são as principais medidas estipuladas para impedir a proliferação do coronavírus.

Nos pontos de ônibus, novamente vários idosos foram vistos aguardando por coletivos. O número de ônibus à disposição da população foi reduzido nesse período de quarentena. Segundo a Transita, em caso de necessidade, se houver aglomerações, novos veículos podem ser disponibilizados nas linhas que apresentarem essa demanda.

O conteúdo continua após o anúncio
primeira-segunda-feira-do-mes-lota-ruas-de-itabira-apesar-de-recomendacao-pelo-isolamento
Bancos geraram filas em Itabira – Foto: Thales Benício

Outro motivo que levou muita gente às ruas nesta segunda-feira foi a busca por informações do “coronavoucher”, que será pago pelo governo federal aos trabalhadores autônomos e informais. Muitas pessoas que estavam na fila da Caixa Econômica Federal relataram essa necessidade. No mesmo banco, aposentados se aglomeraram para receber a aposentadoria, sempre paga no quarto dia útil.

Procurada por DeFato Online, a Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Assessoria de Comunicação da Prefeitura, reforçou a necessidade do isolamento social. “O pico da transmissão da doença está previsto para o fim de abril e o início de maio, pois o que acontece hoje irá refletir nesses dias”, se posicionou o município.

Na cidade, tanto a Prefeitura quanto a Polícia Militar fazem trabalho nas ruas para levar conscientização à população por meio de mensagens transmitidas em carros de som.

MAIS NOTÍCIAS