Região do Gabiroba terá mudanças profundas no trânsito nos próximos dias

Secretário Municipal de Obras, Ronaldo Lott pede compreensão à população e orienta que, quem puder, deixe de transitar na região durante as obras que serão realizadas

Região do Gabiroba terá mudanças profundas no trânsito nos próximos dias
Rua aberta recentemente pela prefeitura será alternativa à rua Marechal Jofre, no bairro Água Fresca – Foto: Rodrigo Andrade/DeFato

Motoristas que transitam pela região do bairro Gabiroba, em Itabira, terão de se adaptar a modificações de trajetos nos próximos dias. Na próxima semana, o trânsito no local sofrerá mudanças profundas. Ao ponto de o secretário de Obras, Ronaldo Lott, pedir até que, quem puder, evite passar de automóvel pelas ruas e avenidas afetadas enquanto durarem os procedimentos que serão desempenhados pela pasta.

A primeira mudança terá início já na próxima segunda-feira (13), no bairro Água Fresca. A rua Marechal Jofre passará a ser mão única no trecho de bloquete onde há um supermercado, posto de saúde e a escola municipal. Será permitido trânsito somente no sentido Juca Batista, sem opção de estacionamento.

Quem desce pela rua Santa Helena, no Juca Batista, terá que seguir no trecho de rua aberto recentemente pela Secretaria de Obras, passar pela rua Marília Gomes, fazer o retorno em cerca de 200 metros e subir pela rua Tabelião Valdemar de Alvarenga Lage para seguir sentido Centro de Itabira.

regiao-do-gabiroba-tera-mudancas-profundas-no-transito-nos-proximos-dias (1)
Mudanças no bairro Água Fresca – Foto: Divulgação

O motivo da mudança são obras que a Prefeitura fará na rua Marechal Jofre. O trabalho é definido como “complexo e difícil” pelo secretário Ronaldo Lott. Segundo contou, as equipes vão retirar todo o bloquete da rua, recompor a drenagem, substituir a base e depois asfaltar o trecho. Toda a movimentação deverá durar até 40 dias.

“Pedimos a compreensão de todos, porque neste período não poderá ter estacionamento na via. Será apenas circulação em mão única. O trânsito vai ficar confuso, é um fato, mas a expectativa que isso melhore definitivamente a situação daquela rua”, comentou Lott.

O conteúdo continua após o anúncio
regiao-do-gabiroba-tera-mudancas-profundas-no-transito-nos-proximos-dias (2)
Rua Marechal Jofre, no bairro Água Fresca, será mão única e sem estacionamento – Foto: Rodrigo Andrade/DeFato

No Gabiroba 

Já a partir do sábado da semana que vem (18), mais alterações serão adaptadas no bairro Gabiroba, exatamente no trecho que se estende entre a rua Nazaré (atrás do posto de combustíveis) e o trevo da avenida Pedro Guerra.

Quem segue no sentido Centro-Gabiroba não poderá continuar pela rua Nazaré, como é atualmente. Dois quarteirões antes da proximidade do trevo, o motorista terá que virar à esquerda e depois entrar à direita, onde acessará a rua Waldemar de Alvarenga (próximo ao laboratório e ao supermercado). Esse trecho se tornará mão dupla, sem opção de estacionamento.

regiao-do-gabiroba-tera-mudancas-profundas-no-transito-nos-proximos-dias (3)
Acesso pela rua Nazaré será bloqueado para quem segue sentido Gabiroba – Foto: Rodrigo Andrade/DeFato

Ao mesmo tempo, quem desce da região do Parque de Exposições pela avenida Doutor Pedro Guerra também não passará pela rotatória. O condutor terá que entrar à direita, no trevo do bairro Gabiroba, e depois à esquerda, em trecho da avenida Almir Magalhães. Depois, basta virar à direita e seguir sentido Centro.

A previsão é de que o trânsito se mantenha assim por 5 a 6 dias, de acordo com estimativas da Secretaria Municipal de Obras. Nesse período, a empresa responsável pelo prolongamento da avenida Integração (Machado de Assis) farão a conclusão dos trabalhos, unindo-a ao trevo da avenida Doutor Pedro Guerra.

regiao-do-gabiroba-tera-mudancas-profundas-no-transito-nos-proximos-dias (4)
Trecho da rua Valdemar de Alvarenga Lage que passará a ser mão dupla – Foto: Rodrigo Andrade/DeFato

“Quem puder evitar de passar por ali, será muito importante. O trânsito vai impactar muito. Serão feitos desvios e as ruas de Itabira não são muito largas, então é possível que gere transtornos”, comentou o secretário de Obras.

MAIS NOTÍCIAS