Apoiadores pró-Bolsonaro realizam manifestações em todo o país

Presidente participou do ato em Brasília, sobrevoou a manifestação, cavalgou entre os apoiadores e defendeu voto impresso em discurso

Apoiadores pró-Bolsonaro realizam manifestações em todo o país
Foto: Sérgio Lima / Poder360

O presidente Jair Bolsonaro participou, na tarde desse sábado (15), de manifestação promovida por agricultores e religiosos na Esplanada dos Ministérios, em Brasília. Em de um carro de som, ele defendeu a aprovação do voto impresso nas eleições de 2022, cuja proposta de emenda à Constituição (PEC) teve a comissão especial instalada na última quinta-feira (13), na Câmara dos Deputados.

O presidente também voltou a defender o afrouxamento das medidas de restrição social impostas por governadores e prefeitos para enfrentar a pandemia de Covid-19. Bolsonaro sobrevoou a Esplanada dos Ministérios de helicóptero, voltou ao Palácio do Planalto e se encontrou com os apoiadores montado a cavalo.

Ele estava acompanhado dos ministros do Meio Ambiente, Ricardo Salles; e da Agricultura, Tereza Cristina, além de seguranças. Mais cedo, o presidente tinha almoçado no Centro de Tradições Gaúchas de Brasília, com representantes do agronegócio que organizaram o protesto.

Sobre a manifestação

As mobilizações aconteceram em várias capitais brasileiras, organizadas pela “Marcha da Família Cristã pela Liberdade”. Essa é a data em que se celebra o Dia Internacional da Família. O evento pretendia recriar o movimento “Marcha da Família com Deus pela Liberdade”, de março de 1964.

Diversas manifestações foram organizadas na época contra o “perigo comunista”. Na marcha de ontem (15), além de defender o voto impresso, os manifestantes se concentraram na defesa de uma agenda religiosa e se manifestaram contra o Supremo Tribunal Federal e o Congresso.

Segundo a Polícia Militar de Brasília, milhares de manifestantes pró-governo se reuniram no ato de apoio ao presidente Jair Bolsonaro. Foram registradas movimentações com caminhões, carros e pessoas a pé, sem ocorrências ou confusões.

Na capital de São Paulo, um número menor de manifestantes se reuniram na Avenida Paulista. Manifestações e carreatas também foram registradas em Maceió (AL), Belo Horizonte (MG), Juiz de Fora (MG). Florianópolis (SC), Curitiba (PR), São Luís (MA), Belém (PA), Rio de Janeiro (RJ) e Florianópolis (RJ).

MAIS NOTÍCIAS