Itabira adota caminhão que varre e recolhe a sujeira das ruas da cidade

Equipamento reforça o trabalho dos agentes da Itaurb nos bairros da área central – Veja vídeo

Itabira adota caminhão que varre e recolhe a sujeira das ruas da cidade
O caminhão de varrição mecanizada é agora responsável pela limpeza urbana na área central da cidade

As ruas da área central de Itabira passaram a receber o serviço de varrição mecanizada. A tecnologia implantada pela Itaurb (Empresa de Desenvolvimento de Itabira) está sendo executada por uma empresa terceirizada, com o contrato de um ano. O caminhão é um reforço no trabalho de varrição e capina, permitindo a realocação de agentes de limpeza urbana do centro e adjacências para novos bairros da cidade. 

“Com a proibição da capina química pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), a produtividade caiu e não conseguimos atender toda a cidade, fechando o ciclo de capina necessário. A gerência de Limpeza Urbana tentou, sem sucesso, utilizar a capina elétrica, mas não resolveu. Por isso, decidimos adotar a tecnologia”, explicou Sérgio do Amaral, diretor-presidente da empresa pública.

O conteúdo continua após o anúncio

O custo estimado do equipamento é de R$ 35,94 por km varrido, chegando a R$ 53,9 mil no mês, ou seja, a empresa investirá R$ 640,9 mil por ano. 

“Do ponto de vista econômico, obteremos um ganho estimado de R$ 62,51 por quilômetro, que seriam R$ 93,8 mil mensais, totalizando R$ 1,1 milhão por ano. Redução do custo de 14% comparado à mão de obra poupada”, disse Sérgio do Amaral.

Segundo informações da assessoria de comunicação da Itaurb, a máquina faz a varredura e realiza a sucção dos resíduos para uma cabine e, posteriormente, é esvaziada no aterro sanitário. O caminhão realiza as operações no período noturno devido à redução do tráfego veicular nas vias da cidade.

MAIS NOTÍCIAS